20/05/2009

Conversas... de gajos?



Tenho uma amiga que foi manequim durante algum tempo.
Através dela, conheci algumas pessoas das mais diversas àreas, incluindo manequins como ela.
Das mais diversas situações que passei com ela, recordo-me de uma na Praia de Carcavelos...
Tínhamos ido à praia com dois amigos dela, por sinais conhecidos no meio, divertidos segundo ela e constatei (com 24 aninhos apenas), que ainda tinha muito a aprender...
Estava eu, tal qual lagartixa ao sol, a disfrutar dos primeiros raios de sol do ano, para apagar a minha brancura renascentista, quando comecei a ouvir um zum zum do lado dos rapazes que nos faziam companhia ,naquele dia soalheiro e naquela praia da minha infância, enebriada pelo cheiro a maresia e pelo som das ondas a bater, do cheiro das loções e dos gritos das criancinhas a chapinhar nas poças mornas, cheias de xixi, à beira-mar.
Eles eram amigos da R., os dois eram manequins,amigos dela e alaparam-se para ir para a praia connosco naquele dia. O que é que já estão a pensar mentes perversas? Nada disso...
Dava-me mais com o moreno, que era tremendamente mais simpático e comunicativo que o Loiro, volta e meia o dito aparecia na loja a cravar-me os maravilhosos (segundo ele) cd's ambiente que eu gravava para animar o horário de expediente.
O rapaz cheirava sempre a Côco, não Chanel, mas ao fruto,achava aquilo um pouco estranho e só descobri o porquê, neste dia de praia...
No meio da conversa dos joves, a minha boca abria cada vez mais de espanto, por pouco não me tornava um Amigo de Gáspar,enquanto a R., habituada àquele tipo de conversas, pelos vistos comuns nos rapazes do meio, perdia-se de riso.
Virei-me para o outro lado da toalha e coloquei-me à escuta...
Moreno: F. Ontem fui a um casting para a V. Não estás bem a ver? Tínhamos de estar em tronco nú e ninguém me disse nada.
Loiro: Nem a agência?
Moreno: Não...
Loiro: Então e como é que fizeste?
Moreno: Olha... Saí a correr do estúdio e tive de procurar uma lâmina de barbear, o problema é que só encontrei daquelas mais baratuchas.
Loiro: Xi... Que cena meu! E depois?
Moreno: Depois, lá tive de entrar numa casa de banho de um café e fazer a depilação às três pancadas ,com aquela lâmina manhosa e líquido para lavar as mãos.
Pepper: (cá em pensamentos) Ou a minha alma 'tá parva ou o protector está fora de prazo...
Loiro: Ui... Isso é muito mau.
Moreno: Mau? Agora estou cheio de pelos encravados e dá comichão. Não convinha ficar com borbulhas.
Loiro: Pois... Realmente isso é chato. Eu tenho muito cuidado com essas coisas, vou sempre depilado para os castings.

(Até que não resisti meter a colher...)


Ironicamente, disse ao moço que ele devia ir à Body Shop comprar uma luva de crina, um exfoliante e um hidratante, mas o tiro saíu-me pela culatra, porque o rapazito ficou feliz como sei lá o quê e aqui a je, teve de ir comprar a luva, o exfoliante, o hidratante de Manga, (Descobri que o rapaz adorava a linha de frutos desta marca) enquanto o moço ficava à porta e meio envergonhado porque não queria que as senhoras da loja soubessem que era para ele.
Desde que saí da loja, nunca mais vi nenhum dos moços, apenas o loiro em campanhas publicitárias.
Questiono-me, se todos os manequins são assim, se existem homens que têm este tipo de conversas uns com os outros e se existem tontas como eu a quem lhes sai o tiro pela culatra, como me saiu naquele dia.


7 comentários:

  1. Ui!
    Eu cá confesso-me (sob pena de levar com as fúrias das minhas colegas de blog e mais meia blogosfera, mas o que é que querem) um bocado avessa a metrossexualidades. Mas acima de tudo o que me incomodou nessa história foi o menino ficar à porta porque não queria que se soubesse que era para ele... ora abóbora! Homem que é homem usa perfume e after-shave e mais nada; mas se por acaso usar mais alguma coisa, homem que é homem assume sem vergonhas!

    ResponderEliminar
  2. Olá!
    Adorei a tua nova decoração...
    Girissima, airosa e leve:=)
    Muito bom gosto...
    Parabéns

    Beijocas

    ResponderEliminar
  3. Briar Rose:

    Este rapazito é um ponto de histórias...

    mjf:

    Obrigada! Eu antigamente tinha este template, mas depois não sei o que se passou com ele. Ficou meio estranho...

    Beijos

    ResponderEliminar
  4. Bem, cada vez mais este tipo de conversas são frequentes entre as pessoas do sexo masculino...

    Vá, vamos abrir as nossas mentes LOL

    :D

    *

    ResponderEliminar
  5. Também gostei muito deste teu novo look e já se consegue fazer o "follow" e tudo :D

    Relativamente ao episódio que relataste tenho a dizer que infelizmente não conheço muita gente dessa espécie a que te referes. Digo infeizmente porque deve ser uma aprendizagem social muito rica. Vivo rodeada de homens que são mais McGyvers do que reis dapasserelle e que ameaçam de morte qualquer um (ou uma) que sequer sugira um pequeno retoque nas suas sobrancelhas.
    Confesso que acho piada a algumas metropaneleirisses. Não me importo que um homem se depile no peito e nas costas, mas DETESTO homens que se depilam nas pernas... e a moda está a pegar. Preparem-se meninas!!!

    ResponderEliminar
  6. Não precisam ser manequins. Se frequentasses Ginásios ouvias belas pérolas masculinas.

    PS: Gosto bem mais que tenhas retornado a este template.

    ResponderEliminar
  7. LOLOLOl
    já andei "metida" nesse meio e também já me deparei com muitas situações assim.
    Continuo no meio, como maquilhadora e continuo a rir-me imenso com situações deste género ehehehe

    ResponderEliminar

Bring it on!